SOU BRASILEIRA E NÃO DESISTO NUNCA!!!!!

sábado, 1 de agosto de 2009


Estive pensando, aliás só faço isso, penso, mas a prática mesmo não tô vendo não, enfim, estive pensando no porque engordei tanto em um ano, sempre fui aquela gordinhapreocupada sempre me cuidando apesar de gordinha, eu nunca passei tanto dos limites, mas acho que ligou uma coisa a outra , parei de fumar, trabalhava num lugar onde eu usava uniforme(auto-estima 0), estava querendo dar uma virada de gente grande na vida profissional, culpada por ficar tanto tempo longe de casa(isso é com todas as mulheres do mundo, mas dá licença de eu me sentir assim!?), e tentando bravamente resistir a tudo que eu gosto de comer...pensando bem, é foda né! è isso.... a palavra foda é a culpada de tudo, mas em outro contexto.
Cheguei num momento que disse que se foda(olha aí a mardita) e é libertador o tal do botão do foda-se, mas também é fodidor(hahaha inventei) porque eu estava me achando a última das mulheres , vésperas de completar 40 anos, sem conseguir emagrecer(minha vida sempre foi de dietas, mas ficava empatada pelo menos), fui filha do meio, mãe quase solteira(por 1 ano só), e gorda (eu devia ter cota na faculdade, eu sofro com o preconceito) e ainda por cima usando uniforme que não favorece ninguém, tem que ser muito gostosa pra ficar mais ou menos, e não era meu caso, enfim, eu comecei a liberar devagar, comer um pouquinho aqui e ali, e quando me dei conta BUM 10 kg em quem já era gorda! e agora então só resta : me jogar da ponte! brincadeira, nunca me passou pela cabeça isso, é que um draminha sempre deixa a história mais emocionante, se tem uma coisa que não sou é : FRACA, será!? abafa o caso.
Então quem poderá me salvar?? de novo
Acho que é um trabalho para o Chapolin mesmo, não tem saída.
Estive pensando na redução de estômago, mas sou tão covarde para isso....Penso que se for para eu comer só aquilo e malhar, cacete! eu emagreço lógico, então porque não fazer isso sem cirurgia, será possível?!

Um comentário:

  1. Amigaaaaa pára tudo realmente é de fuder a cabeça de qq uma entrar nesse mundo doido em que além de ser profissional, mãe, filha, irmã, amiga, profissional de pontaa antenadissima, saber cozinhar, ter a casa limpa e ficar bem numa lingerie tamanho guardanapo. Acho que é questão de se priorizar pq uma hora o corpo vem comprar né??? Sabe q adoro vir aqui te ler rs???
    Minha mãe optou pela cirurgia e já engordou de novo rs, acho que a gente começa a mudar pela cabeça. Beijos

    ResponderExcluir